sábado, 24 de agosto de 2013

Garota de 13 anos é espancada ao sair da escola, veja!



Garota de 13 anos é espancada ao sair da escola, enquanto outros jovens dão risada! 


Revolta nas redes sociais!

O vídeo revoltante gravado por um cinegrafista amador,
registra agressões covardes realizadas contra uma jovem após a mesma sair da escola.

Conforme informações posteriores, o flagrante de violência aconteceu em Ibiúna, São Paulo no dia 20 de Agosto de 2013 em frente uma escola do governo.

1 - A mãe da menina agredida é professora e se chama. 

Ana Maria das Dores Ribeiro, moradora de Ibiúna - SP.

1.2 - A menina agredida tem 13 anos e não conhecia a agressora.

1.3 - A agressora tem 16 anos e se chama Mayara Ortiz.

2 - Quem apartou a briga, segundo denunciante, foi o vice prefeito de Ibiúna.

3 - A mãe da jovem agredida chegou a fazer campanha no Facebook para localizar o agressor que deu o primeiro tapa na menina.

4 - Secretária de advogacia denuncia que o primeiro tapa foi de um rapaz maior de idade chamado Lucas.

5 - Parentes e pessoas próximas da menina agredida informam que a menina deu entrada no hospital e possivelmente perdeu audição em um dos ouvidos. Estão aguardando laudos médicos. Ainda não se sabe se foi com o soco fechado de direita recebido no início do vídeo pelo rapaz ou se foi ao bater com o a cabeça na guia da rua ao ser derrubada pela jovem de 16 anos.

6 - Um boletim de ocorrência sobre a agressão foi registrado na delegacia de Ibiúna.

Foto de Ana Clécia.
Secretária de advogacia denuncia que o primeiro
tapa foi de um rapaz maior de idade chamado Lucas


O NOME DO AGRESSOR QUE DEU O SOCO NO OUVIDO É LUCAS QUE TRABALHA NA BANCA DE JORNAL CHAMADA ELIZEU. O endereço da Banca Elizeu em Ibiúna, segundo consta no site "Infoplex" é Rua Prefeito Angelino Falci, 1 - Terminal Rodoviário de Ibiuna

O fato gerou várias discussões, sobretudo enfocando o problema da violência no Brasil, incidente tanto em jovens quanto entre adultos. Como esta situação pode ser revertida? manifeste sua opinião, contribuindo para a formação de um debate democrático.

Fonte: Política na rede.

Dados podem ser atualizados de acordo 
com chegada de novas informações!

Nenhum comentário:

Postar um comentário